Crônicas, Amor & Sexo

Cansei dos Joguinhos de Relacionamento

Sabe o que mais cansa em um relacionamento (ou na tentativa de um)? Joguinhos. Quando aparece alguém legal que tu tem vontade de conhecer mais, sair mais vezes e tudo mais, a primeira coisa que as pessoas falam é para tu jogar. Porque, se tu der atenção demais, ele cai fora. Porque, se tu for carinhosa (mesmo que seja algo totalmente natural de ti), ele vai achar que tu está extremamente apaixonada por ele. Porque, se tu não for assim ou assado, ele corre, ele isso, ele aquilo.

PORRA! Cansei! Que bosta é isso, tu não pode ser tu mesma, não pode ser uma mulher de atitude, não pode falar quando está afim porque tem esperar ele vir falar contigo antes, porque tu foi a última a falar algo na conversa.

Pode ter certeza, se eu um dia eu não falar mais com o boy é porque eu perdi a vontade dele, desisti de tentar algo, e não porque eu estaria “jogando”.

E sabe o que é pior? O pior é que essa história de joguinho funciona! Funciona porque as pessoas (tanto mulher, quanto homem) só dão valor se correm o risco de perder, se são esnobados ou depois de ver a pessoa com alguém… Daí elas vêm, todas amores! Só que ai já passou o time, já não vai rolar mais. A conquista vai ter que recomeçar e olhe lá. Quando trabalho, quanta complicação!

E se eu não quiser namorar? E se eu quiser só sexo casual? Tenho que jogar também! Porque homem dificilmente consegue entender que aquela guria legal que conheceu talvez só queira alguém legal e gostoso para transar. Mas é difícil para muitas pessoas entenderem isso: a guria pode ser super carinhosa por ser assim com todos e só querer sexo ou uma parceria.

Apesar de já ter a face player, hoje com mais maturidade, vejo os joguinhos só como uma infantilidade. E digo, sem medo: faça o que tiver vontade! Esqueça essa história de jogo.  Até porque, em jogos, somente um ganha!

Gaúcha, fundadora do Blog No Papo Das Gurias. Graduada em Marketing (SENAC-RS) e formada em TI. Um pouco nerd, mas adoro esmaltes, maquiagens, moda e principalmente, marketing digital. Sou muito curiosa e viciada em internet! 🙂

Posts relacionados

Quando eu Não Me Importar Mais Estranha quando eu não me importar mais, quando eu não quiser mais saber sobre teus planos, sobre como foi teu dia ou se tu fez o que tinha que fazer....
Sobre Amores Que Não Vão Tem coisa mais gostosa do que gente que não vai embora? Mesmo quando tudo ao redor parece estar desabando, mudando e até contrariando o relacionamento...
Algum Tempo Atrás Notei, enquanto tomava um café na lanchonete da esquina da casa dela e pensava em sua ardilosidade e persuasividade, que ela possuía temores e mágoas....

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *